Professora Emérita da PUC-Rio e mais 20 cientistas repudiam posicionamento do governo em carta aberta ao público

A Profª. Angela Wagener, do Departamento de Química do CTC/PUC-Rio, e mais 20 cientistas assinaram uma carta aberta em recusa à condecoração da Ordem Nacional do Mérito Científico, concedida pelo governo do Presidente Jair Bolsonaro. Após a lista dos pesquisadores homenageados ser publicada no Diário Oficial da União (DOU), no dia 03 de novembro, o presidente assinou um novo decreto, no dia 05, que excluiu dois cientistas previamente homenageados: Marcus Vinícius Guimarães de Lacerda, médico da Fundação de Medicina Tropical Doutor Heitor Vieira Dourado, e Adele Schwartz Benzaken, diretora do Instituto Leônidas & Maria Deane, da Fundação Oswaldo Cruz.

Lacerda já tinha se posicionado contra o uso da cloroquina para o tratamento da Covid-19, enquanto Benzaken, ex-diretora do departamento de HIV/Aids do Ministério da Saúde, foi retirada do cargo em 2019 por divulgar uma cartilha sobre prevenção sexual para homens trans.

Professora Emérita da PUC-Rio desde 2014, Angela Wagener foi admitida na classe Comendador, personalidade na área das Ciências Químicas, junto com outros três professores de universidades federais. “Não se renuncia a um reconhecimento desta magnitude sem pesar. No entanto, a exclusão dos colegas antes ao nosso lado, por motivos políticos e em oposição à ciência, não me deu outra opção. Pensei também no bem que tal prêmio traria ao Depto de Química e à PUC. Mas não fazer parte do justo protesto seria mais danoso", enfatizou a pesquisadora.

Na carta, divulgada para o público no dia 06 de novembro, os cientistas declaram que “tal exclusão, inaceitável sob todos os aspectos, torna-se ainda mais condenável por ter ocorrido em menos de 48 horas após a publicação inicial, em mais uma clara demonstração de perseguição a cientistas, configurando um novo passo do sistemático ataque à Ciência e Tecnologia por parte do Governo vigente”.

Fundada em 1993, a Ordem Nacional do Mérito Científico, como reforça a carta, é “um instrumento de Estado para reconhecer contribuições científicas e técnicas de personalidades brasileiras e estrangeiras”.

Para ler o decreto oficial e a carta na íntegra, acesse:

https://www.in.gov.br/en/web/dou/-/decretos-de-3-de-novembro-de-2021-356863820

https://www.abrasco.org.br/site/noticias/institucional/carta-aberta-dos-cientistas-condecorados-onmc/62951/

Monday, November 15, 2021
Carregando