Qualquer pessoa que visite a cidade do Rio de Janeiro poderá pedir dicas aos voluntários cadastrados no app

Com as Olimpíadas, milhares de turistas que nunca vieram para o Rio, muitos deles que não falam uma palavra de português, já têm uma facilidade à mão para circular pela cidade. O Prof. Sérgio Lifschitz, do Departamento de Informática do Centro Técnico Científico da PUC-Rio (CTC/PUC-Rio), em parceria com o Ministério da Cultura (MinC) e a Universidade Federal da Paraíba (UFPB), desenvolveu o aplicativo “Xperto”. O app ajudará os visitantes com dicas rápidas, dadas por voluntários cadastrados, a fim de tornar a estadia do turista ainda mais fácil e agradável. A iniciativa faz parte do projeto “Ondas de Cultura”, do MinC, voltado para o desenvolvimento e difusão de cinco aplicativos relacionados às atividades desenvolvidas pelo ministério por ocasião dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos 2016.

Com o apoio do Centro de Gestão Integrada de Risco da PUC-Rio (CGIR), que trabalhou diretamente com os consulados durante a Jornada Mundial da Juventude em 2013, diversos voluntários indicados pelos consulados, além de alunos da PUC-Rio — muitos fluentes em mais de um idioma —, se cadastraram no aplicativo para cumprirem o papel de anfitriões dos turistas e atenderem aos pedidos feitos durante e depois das Olimpíadas. O “Xperto”, que tem como foco incentivar a interação direta entre visitantes, população local e agentes do governo, está disponível para celulares Android e iOS e, ao ser baixado, é instalado no idioma em que o celular do usuário está configurado.

Ávidos por desbravar a Cidade Maravilhosa e suas opções culturais, mas, muitas das vezes, sem saber como se deslocar ou até mesmo aonde ir, os turistas encontram apoio no aplicativo em cinco aspectos: cultura/lazer, mobilidade, segurança, comunicação e saúde. Algumas perguntas previsíveis já estão respondidas no app, inclusive no formato de notificações ou feeds de notícias, e outras poderão ser feitas livremente pelos visitantes. Os voluntários cadastrados no idioma do turista serão notificados e poderão responder às perguntas também por meio do aplicativo. “A ideia é sermos pró-ativos: se os voluntários perceberem que tem muita gente com a mesma dúvida, mandaremos uma notificação para todos usuários através do app”, explica Lifschitz.

Vale ressaltar que o lançamento do aplicativo aproveitou a realização da Rio 2016, mas, além disso, fica de legado para uso durante qualquer outro evento de grande porte na cidade. Sua finalidade inovadora facilita a vida do turista e demonstra a cordialidade característica do carioca. “Se o voluntário estiver próximo ao turista, ele poderá até mesmo oferecer ajuda pessoalmente”, reforça Lifschitz.

Informações para a imprensa:
APPROACH COMUNICAÇÃO
Assessoria de Imprensa do Centro Técnico Científico da PUC-Rio (CTC/PUC-Rio)
Maria Estrella (maria.estrella@approach.com.br)
Tels: (21) 9-9301-4332 / (21) 3527-1303, ramal 43 (CTC/PUC-Rio)
(21) 3461-4616, ramais 147 e 164 (Approach Comunicação Integrada)
Bianca G. Sallaberry (bianca.gomes@approach.com.br)
www.approach.com.br